Conheça as melhores estratégias para dominar o ano de 2020

Muitos dizem que o ano começa depois do Carnaval, então já que começou vamos saber todas as novidades do mundo do Trade Marketing e usar isso a favor da sua empresa e do seu cliente.

O trade marketing visa criar demanda por produtos específicos antes que eles atinjam os consumidores no ponto de venda.

Em um mercado em rápida mudança, estar de olho nas tendências é indispensável para colher os melhores frutos. Você precisa colocar os produtos do seu cliente na frente dos consumidores, antes que eles possam tomar a decisão de comprá-los.

Todo o mercado consumidor está em constante evolução e caminha em direção a novas tecnologias. Softwares mobile e tecnologia em nuvem, que permitam que dados sejam lançados de qualquer lugar desde que conectados, são um ótimo exemplo de como isso vem sendo explorado.

Se o consumidor final está mudando, você tem que estar um passo à frente, para aumentar drasticamente a chance de vender mais produtos.

É oferecer as melhores e mais atualizadas novidades para o seu shopper e aprimorar o PDV com as melhores estratégias.

Ganhos com o novo olhar para o trade:

• aumentar as vendas
• ver o faturamento crescer
• melhorar a experiência do consumidor
• intensificar a interação do público com a marca

Principais tendências do trade marketing em 2020:

1. Estratégia Omnichannel

Estratégia Omnichannel é baseada na união entre pontos de vendas físicos e digitais. E esse comportamento do comprador segue em ascensão, por isso, em vez de investir em somente um canal de venda, você pode expandir as possibilidades combinando abordagens de vendas presenciais e online. É muito importante que varejistas sustentem uma experiência de compra consistente. Tudo isso para fazer com que a marca do seu cliente, esteja presente em vários canais de contato para atender às demandas de seus compradores em qualquer um deles. Trata-se de uma das tendências de trade marketing cada vez mais comuns para entregar uma experiência de maior qualidade para o consumidor final.

2. Novo Varejo

O novo varejo vem do conceito “New Retail” que chegou da China e tem relação com a estratégia omnichannel. Ele recebe esse nome após passar por diversas modificações na experiência de compra que oferece ao seu cliente – que une anúncios digitais e físicos com pontos de vendas digitais e físicos. Esses dois universos se fundem para garantir que o shopper terá uma experiência de compra mais personalizada, rápida e prática: suas necessidades fundamentais de consumo na nova década.

3. Personalização

Personalização é uma das grandes chaves do momento, deixar de ser um número e ser alguém especial é o que o cliente quer. Nem todos os seus clientes possuem as mesmas necessidades, é muito provável que cada uma das empresas atendidas pela sua organização tenha necessidades bastante diferentes. E você precisa conseguir atender todas elas com qualidade. São muitos os fatores que variam entre um cliente e outro: os produtos desejados, as formas de pagamento, os prazos trabalhados, a melhor maneira de comunicação, as ações no ponto de venda, entre outros. Todos esses aspectos devem ser levados em consideração para garantir que seus clientes saiam satisfeitos e continuem comprando da sua empresa. Então customizar algumas características do produto de acordo com as preferências do consumidor, trazer uma experiencia individual, é uma estratégia muito inteligente.

4. Base de Dados

Dentre as tendências de trade marketing estarão as decisões baseadas em dados. Então é essencial a criação de uma base de dados para fundamentar a inteligência no trade marketing. As preferências do consumidor e demanda de produtos moldam o mercado, o armazenamento dos dados de seus compradores a fim de que suas ações sejam cada vez mais direcionadas para impulsionar suas vendas é essencial. Quanto mais informações você tiver do grupo de shoppers ou clientes mais informações terá do comportamento do consumidor. Está aí a grande sacada, a importância de investir nessa base, que pode vir de através de pesquisas de satisfação, opinião ou softwares.

5. Realidade Aumentada

Realidade aumentada é a evolução da tecnologia, algo que está em voga. E é uma possibilidade que pode ser explorada de diversas maneiras, uma boa maneira de usar o método é combinar informações virtuais aos espaços físicos, impulsionando interação do cliente tanto na realidade física, quanto na virtual. Um ótimo exemplo da sua aplicação é uma indústria de móveis que permite que as pessoas possam saber como ficará aquele mobiliário dentro de sua casa e podem testar uma nova decoração. A ideia para seu cliente pode vir desde essa experiência até algo simples como fornecer descontos virtuais para o consumo físico no PDV, isso ajuda a criar um aumento de pessoas no estabelecimento e aumenta a experiência do usuário.

6. Customer Experience

Outra das tendências para 2020 é o foco na experiência do cliente. Customer Experience trata-se de proporcionar uma experiência incrível ao seu cliente, tanto no PDV físico quanto online. Os clientes esperam que suas experiências sejam: rápidas, fáceis, personalizadas e humanas. Garanta que seus promotores e seu modelo de negócios ofereçam tudo isso ao cliente para assegurar o sucesso de sua estratégia.

7. Trabalho de branding

O trabalho de branding não pode ser esquecido. Por mais que essa seja uma estratégia antiga, seus resultados continuam sendo muito importantes. Os esforços de branding permitem que os diversos públicos de interesse da empresa (clientes, funcionários, fornecedores etc.) saibam o que esperar dela. Ou seja, trata-se de uma maneira de se distinguir dos concorrentes e esclarecer quais atributos e benefícios você oferece. Considerando que o branding é a estratégia que ajuda as pessoas a identificarem rapidamente seus produtos/serviços e a marca em si. Para colocar isso em prática, você pode explorar as novas tecnologias e tendências do mundo digital.

O trade marketing terá que ser adaptável e os profissionais de marketing deverão estar prontos para identificar e adotar novas tecnologias e tendências de maneira mais rápida. A única boa estratégia é estar sempre pronto para qualquer tipo de mudanças. Bons negócios!